11 setembro 2012

O Ministério do Espírito Santo

Essa ilustração foi extraída da internet denilsonalayon.wordpress.com.  Postamos para mostrar que o Espírito Santo só realiza o ministério tanto em homens como em mulheres que se regeneram e obedecem a Deus.

ESPÍRITO SANTO

O mover sobrenatural de Deus

Lucas 9.23-26

23 - E dizia a todos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome cada dia a sua cruz, e siga-me. 24 - Porque qualquer que quiser salvar a sua vida perdê-la-á; mas qualquer que, por amor de mim, perder a sua vida a salvará. 25 - Porque que aproveita ao homem granjear o mundo todo, perdendo-se ou prejudicando-se a si mesmo? 26 - Porque qualquer que de mim e das minhas palavras se envergonhar, dele se envergonhará o Filho do Homem, quando vier na sua glória e na do Pai e dos santos anjos.

  • ·        O Espírito Santo em sua plena deidade (divindade) participa de todos os atributos de Deus (1Jo 5.7,8). Esse estudo revela que, no âmbito terreno ou celeste, em um ministério de atuação sublime, Ele tem poder para criar, convencer, dirigir, edificar, regenerar, santificar e transformar. “Porque três são os que testificam no céu: o Pai, a Palavra (Jesus ou Verbo) e o Espírito Santo; e estes três são um. E três são os que testificam na terra: o Espírito, e a água, e o sangue; (o Espírito porque Convence o mundo do Pecado da Justiça e do Juízo. A água porque Jesus consagrou o seu Ministério sendo batizado nas águas por João Batista, e o sangue se refere a Crucificação de Jesus quando houve o derramamento do seu sangue sobre toda a humanidade - Grifo do Blog)  e estes três concordam num”.  Assim, o cristão deve empenhar-se em desenvolver uma vida espiritual sob a direção e poder do Espírito Santo.
  • ·         Este estudo discorre sobre aspectos primordiais desse ministério quanto à humanidade, à igreja e especificamente ao cristão.
  • ·  Atente para esses ensinamentos:
 
I - O MINISTÉRIO DO ESPÍRITO SANTO NO MUNDO

    O Deus Espírito Santo desempenha no mundo o ofício muito especial de instituir e resguardar a vida na terra, bem como convencer a humanidade de seus pecados e da necessidade de Deus, apontando para Cristo, pois “não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido e vos anunciará o que há de vir” (Jo 16.13b).

     1. Doar vida“O Espírito de Deus me fez; e a inspiração do Todo-Poderoso me deu vida” (Jó 33.4). Por meio da pessoa divina do Espírito Santo a vida é gerada no mundo. Ele propicia vida tanto à humanidade, quanto a toda a criação. Todos os seres vivos sejam eles complexos ou unicelulares (formado por uma só célula), com todas as suas especificidades, foram criados pelo poder do Espírito: “Envias o teu Espírito, e são criados, e assim renovas a face da terra” (Sl 104.30). Todos os processos naturais, de ordem química, física ou biológica, que ocorrem na natureza, são regidos pela atuação sobrenatural do Espírito Santo. Foi também a Ele que Deus se dirigiu no princípio da criação, quando disse: “Façamos o homem à nossa imagem...” (Gn 1.26ª). 

   2. Convencer do Pecado“E, quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, e da justiça, e do Juízo” (Jo 16.8). O mundo jaz morto no pecado, e essa morte espiritual que habita essencialmente na humanidade a impede de perceber suas iniquidades. Faz parte do ministério do Espírito, em uma ação sobrenatural, abrir-lhes os olhos para que enxerguem o abismo para o qual caminham. É o Espírito Santo que convence o homem a acreditar no sacrifício vicário de Cristo, levando-o a converter-se ao Deus soberano. Sem essa ação extraordinária, jamais o homem teria condições de encontrar a Jesus como único caminho e crer em suas verdades eternas. “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei” (Mt 11.28).
 
II - O MINISTÉRIO DO ESPÍRITO SANTO NA IGREJA 
 
       Desde o princípio, o Espírito Santo sustenta a igreja e é Nele que ela tem firmado seu alicerce. Sendo a força propulsora do corpo de Cristo no mundo, o Espírito Santo o guiará em todo tempo, durante sua peregrinação nesta terra. Com o intuito de fazê-la prevalecer, Ele a contempla com instrução e dons, como?

     1. Dirigindo suas atividades na terra“Mas, quando vier aquele espírito da verdade, ele vos guiará em toda a verdade” (Jo 16.13a). Faz parte do ministério do Espírito Santo guiar a igreja no caminho da verdade, ensinando e corrigindo eventuais desvios, afim de que esta se aproxime dos padrões celestiais, para cada vez mais assemelhar-se a Cristo. A vida da igreja subsiste somente por meio desta ação sobrenatural do Espírito Santo, eficaz em suplantar as obras da carne, que porventura comecem a surgir dentre o povo de Deus. A ação do Espírito Santo vivifica a igreja e a estimula a proclamar as boas novas de Cristo, levando muitos outros à conversão.

    2. Distribuindo dons espirituais“Mas um só e o mesmo espírito opera todas essas coisas, repartindo particularmente a cada um como quer” (1Co 12.11). Os dons espirituais são dádivas do Espírito Santo à igreja como resultado da Graça de Deus. Estes dons são ofertados aos cristãos para auxiliá-lo nas suas incapacidades, permitindo que, por meio deles, Deus seja adorado com inteira dedicação. A manifestação dos dons espirituais visa à edificação e à consequente santificação da igreja: “... Faça-se tudo para edificação” (1Co 14.26b). Uma igreja dedicada a Deus se Aplica em alcançar esses dons, a fim de experimentar a intensa manifestação do Espírito Santo, almejando a maturidade e a santificação de seus membros.

III - O MINISTÉRIO DO ESPÍRITO SANTO NO CRISTÃO

        Em relação ao cristão, o Espírito Santo apresenta-se como aquele que 'anda junto', que cuida, auxiliar e ampara. Ele atua tanto a favor do cristão, quanto no cristão. Assim, Ele age como barreira protetora contra a natureza caída, inata ao homem, reestruturando seu viver, regenerando, santificando e consolando-o, como? 

        1. Transformando em uma nova criatura (regeneração) - "Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito não pode entrar no Reino de Deus" (Jo 3.5). O nascer de novo está atrelado à transformação de vida, na qual o novo convertido ganha o status de filho de Deus, tornando-se uma nova criatura. O Espirito Santo é o mentor dessa transformação, agindo ainda como doador e mantenedor da vida espiritual por meio deste novo nascimento. Essa metamorfose espiritual diz respeito a mudança de uma natureza pecaminosa para uma regenerada, pela graciosa ação do Espírito Santo: "Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é: as coisas velhas já passaram, eis que tudo se fez novo" (2Co 5.17).

    2. Atuando no processo de santificação - "Mas haveis sido lavados, mas haveis sido santificados... pelo Espírito do nosso Deus" (1Co 6.11). Um dos principais ministérios do Espírito Santo é a santificação. A transformação de uma vida de iniquidade para uma vida em santidade cumpre um processo sobrenatural, possível somente por meio do agir do Espírito Santo. É a partir deste processo que a santificação se inicia e o fruto do Espírito encontra lugar no coração do crente. O desenvolvimento deste fruto leva-o a um pleno crescimento espiritual e a uma dedicação sincera ao reino de Deus, pois daí se origina um novo caráter. "Porque esta é a vontade de Deus, a vossa santificação" (1Ts 4.3a).

       3. Propiciando consolo - "E eu rogarei ao pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre" (Jo 14.16). Jesus sabia que, quando de Sua partida para o céu, seus discípulos se sentiriam órfãos, tomados por uma sensação de insuficiência, desfalecimento e incapacidade para caminhar. Desta forma, a fim de quietar os seus corações, Ele lhes promete outro consolador. A palavra "consolador", no original, significa "alguém que foi chamado para ficar ao lado de outro para ajudá-lo" (Bíblia de Estudos Pentecostal, pg 1601). Como os discípulos, os cristãos também podem contar com o consolo do Espírito Santo. Ele renova as forças e capacita o crente para o enfrentamento de obstáculos e hostilidades que se apresentam ao longo do caminho.

 Concluímos esse estudo revelando a importância primordial do ministério do Espírito Santo para o mundo, para a igreja, e em especial, para o cristão. Desde a ascensão de Cristo, a humanidade tem sido profundamente contemplada com essa magnífica presença que, continuamente, consola e doutrina os corações. Hoje, o Espírito Santo é a principal revelação da trindade em nosso meio. É evidente que, em todos os tempos e hoje, a trindade agiu e age na terra. No Antigo Testamento, percebeu-se claramente a manifestação do Deus Pai; nos Evangelhos nota-se a presença visível do Deus Filho; e, após Sua ascensão, há a presença constante do Deus Espírito Santo. Assim, a igreja não pode fechar os olhos para a importância do ministério do Espírito Santo de Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário